Benefícios do uso da técnica de Pilates como tratamento Pós Meniscectomia

Benefícios do uso da técnica de Pilates como tratamento Pós Meniscectomia

O Joelho é formado por estruturas como ossos, músculos, ligamentos, cápsulas, meniscos e bursas, sendo composto pelas articulações femorotibial, fermoropatelar e tibiofibular.
É uma das articulações mais complexas do corpo, por ser uma articulação mantida integralmente por ligamentos e músculos, não havendo nenhuma estabilidade óssea e está frequentemente exposta a grandes estiramentos, tensões, aumentando o risco de lesões.
Como descrito no titulo, abordaremos a meniscectomia (cirurgia para reparação meniscal), iniciando pelas funções dos meniscos que são aumentar a congruência articular, estabilizar a articulação, absorver choques, nutrir a articulação, lubrificar a cartilagem articular, limitar movimentos anormais, distribuir e transmitir cargas. Anatomicamente falando, existem dois (2) meniscos em cada joelho denominados menisco medial e menisco lateral (como na imagem abaixo).

Com o Pilates será enfatizados o tratamento em cima das funções dos meniscos a fim de promover melhora e manutenção dos mesmos, além de evitar recidivas. Neste caso o uso da técnica do Pilates, poderá ser aplicado exercícios com o objetivo de melhorar a amplitude de movimento (ADM) e flexibilidade, ganhos de resistência e força muscular (FM), controle neuromuscular proprioceptivo, redução dos quadros álgicos.

Abaixo listamos alguns exercícios que podem ser utilizados e em nosso Instagram postaremos alguns vídeos, acesse lá
@oblogdopilates

Fortalecimento de M. Gluteo, M. Abdome, Adutores e M. Triceps Sural.
Ativação de core e trabalho de MMII
Prancha Lateral com fortalecimento de Abdutores concêntrico e adutores excêntrico.
Fortalecimento para M. Quádriceps em isometria e treino proprioceptivo com bosu.